As mais novas descobertas no Universo

O exoplaneta Gliese 581g (em primeiro plano) é considerado o mais parecido com a Terra - JPL/ STSI/Nasa

Oi, galera. Temos novidades do espaço sideral. Alguém sabe qual a verdadeira cor da Via Láctea? Já ouviram falar de exoplanetas? Existe por aí um observatório voador? O que é Matéria Escura? A resposta a essas perguntas estão entre as últimas descobertas da astronomia.

No último congresso da Sociedade Astronômica Americana, realizado em Austin (EUA), em janeiro de 2012, cientistas de vários países revelaram as últimas novidades no estudo do cosmo.

Quem pensou que acharam algum E.T. vagando pelo espaço, pode “tirar o cavalinho da chuva”, pois não há sinais de vida fora da Terra. Mas, apesar de não encontrarem extraterrestres, os astrônomos apostam no início de uma nova era de conhecimento sobre outros planetas.

Segundo James Palmer, especialista em ciência da BBC, “o telescópio Kepler e as microlentes gravitacionais estão abrindo uma espécie de nova era para a descoberta dos planetas”.

Mais e mais planetas são encontrados e novas formas de observação e ferramentas ajudam a esclarecer, aos poucos, alguns mistérios do universo. Veja alguns deles:

A COR DA VIA LÁCTEA

A cor da via láctea

Você sabia que a aparência branca da Via Láctea, vista da Terra, é resultado de um jogo de luz? Já sabemos que a cor da “Milky Way” é branca. Mas, a novidade é quanto à tonalidade específica.

Trata-se do branco da neve da primavera logo depois do amanhecer ou antes do entardecer, segundo os pesquisadores, o que poderá trazer informações sobre a idade da Via Láctea.

Um probleminha que os astrônomos tinham para detectar a tonalidade da Via Láctea era a poeira espacial, que interferia nos observatórios aqui na Terra. Então, os cientistas reuniram informações de galáxias semelhantes e foi feita uma média de cor: o resultado foi o branco da neve.

ESTRELAS E PLANETAS

Com uma microlente gravitacional, os pesquisadores encontraram uma série de exoplanetas (planetas que estão fora do Sistema Solar) girando em torno de outras estrelas. A descoberta indica a existência de milhões de outros planetas, apenas na Via Láctea.

O método de estudo dos cientistas foi usar a gravidade de uma estrela grande para amplificar a luz de estrelas ainda mais distantes e com planetas ao seu redor.

É claro que o telescópio Kepler é o grande achador de novos exoplanetas, mas as microlentes são melhores para localizar planetas de todos os tamanhos e em diferentes distâncias.

“Apenas nos últimos 15 anos fomos de nenhum planeta conhecido além do Sistema Solar aos 700 que temos hoje”, diz Martin Dominik, da Universidade de Saint Andrews, no Reino Unido.

OBSERVATÓRIO EM AVIÃO

O Observatório Estratosférico para Astronomia Infravermelha (SOFIA), o mais recente telescópio da NASA, voando alto durante um vôo de teste em abril/2010.

Outra novidade é um telescópio voador. Mas, calma lá: ele não sai voando pelos ares. Ele está instalado na carcaça de um avião 747.

O Observatório Estratosférico para Astronomia Infravermelha (Sofia), da NASA, chegou a captar imagens do que parece ser uma estrela em formação.

Com 15 toneladas, o telescópio é montado em um suporte giratório para que possa permanecer com suas lentes fixas nas estrelas.

MATÉRIA ESCURA

Se você tem medo de escuro, então se prepare para esta notícia. Uma equipe de pesquisadores apresentou, durante o congresso, as maiores imagens já vistas da chamada matéria escura, a misteriosa substância que compõe 85% do Universo.

As imagens cobrem um espaço cem vezes maior que aquele até então captado pelo telescópio Hubble. Na nova imagem, os aglomerados de matéria escura podem ser vistos circundando as galáxias, conectados por filamentos soltos de matéria escura.

A professora Catherine Heymans, da Universidade de Edimburgo, explica que a matéria escura forma uma intrincada e gigante rede cósmica abrigando as galáxias.

Por falar em matéria escura, você sabia que damos o nome de Nictofobia ao medo doentio da noite e da escuridão? A etimologia da palavra vem da junção “nicto” (noite) e “fobia” (medo). Mas, se você é criança e tem medo do escuro, relaxe. É normal que os pequenos tenham aquele medinho da luz apagada. O ruim é quando os adultos tem medo… ei, quem apagou a luz??? Socorro!!!!!

About these ads
Esse post foi publicado em Astronomia e marcado , , , , , , , , . Guardar link permanente.

3 respostas para As mais novas descobertas no Universo

  1. Paulo Manoel disse:

    Todas essas descobertas nao se aproxima nem um centimetro do que Deus preparou para aqueles que o ama.

  2. Adilson disse:

    O que tem a ver religião neste caso? Afinal cada um acredita no que lhe convém.

  3. Pr.Paulo Manoel disse:

    Todos nós somos limitados,por mais inteligente e genial que seja um homem,jamais a criatura chegará ao pés do criador,nossa inteligência é limitada,e,isso não tem nada a ver com religião , é questão de reconhecer a nossa limitação.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s