O mundo irá acabar em 2012?

Google gera 35 milhões de resultados para frase “desastres 2012”

Você já ouviu falar na previsão apocalíptica do fim do mundo no ano de 2012? A teoria se deve ao fim do calendário maia, que se encerra no dia 21 de dezembro de 2012. Se aqueles povos não previram mais nada além daquela data, o que aconteceria depois?

Teriam os maias previsto o fim dos tempos? O que aconteceria no dia 21 de dezembro de 2012? Uma grande catástrofe mundial? Um terrível cataclismo? E depois? Tem até filme sobre o temido apocalipse. Confira:

Depois de ver essas cenas chocantes, haveria motivo para desespero? A Nasa, a Agência Espacial dos Estados Unidos, rebate as teorias sobre 2012 e mostra razões para não entrarmos em pânico.

O astrônomo Don Yeomans, gerente do programa NEO de Objetos Próximos à Terra, da Nasa, questiona os rumores: “Muitas pessoas pensam que é o fim do calendário maia e que uma catástrofe ocorrerá… Nada de mais interessante irá acontecer”.

Veja as razões apresentadas por Yeomans para rejeitar essas profecias apocalípticas.

Os Maias

O antigo calendário maia era um sistema distinto de medir o tempo. Além do ano, os maias mediam períodos mais longos, assim como o nosso calendário divide o tempo em décadas, séculos e milênios.

A contagem do calendário maia mais curto era de 52 anos, enquanto a contagem do calendário mais longo era de 5125 anos. Grande parte da polêmica sobre o fim do mundo se deve a este calendário de longa duração chegar ao fim em 21 de dezembro de 2012.

Cartaz do filme "2012", sucesso de bilheteria nos cinemas em 2009, dirigido por Roland Emmerich e estrelado por John Cusack.

Segundo Yeomans, a data indica apenas o fim de um calendário e o inicio de outro. “Os maias nunca previram que o fim do mundo ocorreria nesse dia. Seria como dizer que o fim dos tempos será em 31 de dezembro porque a data marca o fim do calendário gregoriano”.

O final de ciclos do calendário maia significa “finais de período” e pode ser interpretado de diferentes formas. Enquanto existem aqueles que acreditam que 21 de dezembro de 2012 trará uma nova era de iluminação, muitos outros temem uma catástrofe.

Morte pelo planeta X

“Umas das teorias mais famosas diz que o Sol vai se alinhar com o centro da Via Láctea em 21 de dezembro. No entanto, o Sol faz isso rotineiramente duas vezes por ano, e sem causar o fim do mundo”, ironiza Yeomans.

Outro temor seria a colisão da Terra com um folclórico planeta apelidado de “Nibiru” ou “Planeta X”, que estaria escondido atrás do sol e viria em direção ao nosso planeta. Mas o planeta misterioso não existe (pelo menos, nenhuma sonda espacial o detectou até hoje).

Alinhamento planetário

Há também quem afirme que os efeitos gravitacionais dos planetas alinhados uns com os outros vão afetar a Terra de alguma forma em 2012. Mas não há nenhum alinhamento planetário em 2012. E mesmo que houvesse, isto não causaria problemas.

Segundo Yeomans, os únicos corpos que causam influências gravitacionais significativas na Terra são o Sol e a Lua – efeitos como as marés, por exemplo. Os efeitos gravitacionais exercidos por outros corpos são desprezíveis.

Tempestade solar

Outro medo sobre 2012 diz respeito às tempestades solares: correntes de partículas energéticas causadas por explosões no Sol.

Estes eventos acontecem em ciclos de 11 anos. Quando atingem a Terra, criam auroras e podem causar danos a satélites e linhas de energia, mas “não é nada que cause danos permanentes”, diz Yeomans.

Dança dos pólos

A Terra tem dois tipos de pólos: os geográficos, que marcam o eixo de rotação do planeta, e os magnéticos, que são associados ao campo magnético do planeta e fazem a bússola apontar sempre para o norte.

Alguns temem que um ou ambos os pólos vão inverter em 2012. Mas os pólos magnéticos se invertem de vez em quando, em cerca de 500 mil anos. “Mesmo que houvesse, não causaria nenhum problema, a não ser termos que mudar o ponteiro da bússola de norte para o sul”, brinca Yeoman.

Michel de Nostredame ou Miquèl de Nostradama, mais conhecido sob o nome de Nostradamus (Saint-Rémy-de-Provence, 1503 - 1566). Ficou famoso por sua suposta capacidade de vidência. "As Profecias" é sua obra mais famosa.

A verdade é que as teorias da conspiração sempre povoaram o imaginário popular desde os primórdios. Atualmente, com o incessante tráfego de informações pela internet e pela televisão, as pessoas acabam confundindo ficção com realidade.

Mas, se você não está nem aí para a ciência e gosta mesmo é de meter medo nos amigos, que tal curtir o documentário do canal History Channel, falando a respeito das profecias sobre 2012 do maior vidente de todos os tempos, Nostradamus. Confira:

Anúncios
Esse post foi publicado em - curiosidades, Astronomia e marcado , , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s