Ser Criança

dia-das-crianças-brincando

Galera astronômica, esta poesia é dedicada a todas as crianças. Podem ser brancas ou negras, ricas ou pobres, brasileiras ou não. Independentemente da cor, da classe social ou da nacionalidade, elas merecem ser felizes.

SER CRIANÇA
(RÔMULO BOURBON)

Ser criança é mais que simplesmente viver;
É estar mais perto do mundo dos sonhos,
Fantasiando a realidade,
E tornando real a fantasia.

Ser criança é rir, é chorar, correr e pular;
E, por si só, ser infantil,
Engatinhando por sobre nuvens de algodão doce,
Como se bailasse uma lúdica valsa;
É comemorar a magia que brota de seu sorriso,
Espelhando a verdade de sua alma.

Ser criança é velejar no mar da ilusão,
E brilhar sob o sol da imaginação;
É ver o que se está além da visão,
E escutar a melodia que vem do coração;
Ser criança é inventar a grande estória da vida,
Reverenciando, a cada dia, o amor, o carinho e a emoção.

Que seria do mundo sem as crianças?
Um deserto de tristeza?
Ou um mar de solidão?
Seria vazio, imenso;
Um nada,
E nada mais.

Deus, conservai as crianças como elas são:
Singulares, inocentes e verdadeiras,
Pequenos anjos que caíram do céu,
Para aprontar o maior fuzuê aqui na Terra,
Enfeitando esse nosso mundo louco,
Propagando uma paz tão infinita, e finita,
Pois deixarão elas de ser crianças;
Mas serão sempre felizes,
Pois outras crianças nascerão,
E começará tudo outra vez.

Esta poesia foi escrita por Rômulo Bourbon em 9 de dezembro de 2006, em Recife.

Anúncios
Esse post foi publicado em - Rômulo Bourbon, Literatura e marcado , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s