NASA lança imagens da Terra feitas por naves espaciais distantes

PIA17171Imagens coloridas e em preto e branco da Terra, foram feitas por duas naves espaciais da NASA, no último dia 19 de Julho de 2013 e mostram nosso planeta e a Lua como pontos brilhantes observados a 1.5 bilhões de quilômetros de distância.

A sonda Cassini da NASA capturou as imagens coloridas da Terra e da Lua desde as vizinhanças do Sistema de Saturno a aproximadamente 1.5 bilhões de quilômetros de distância. A sonda MESSENGER, primeira sonda a orbitar o planeta Mercúrio, fez imagens em preto e branco a uma distância de 98 milhões de quilômetros como parte da campanha de busca de satélites naturais do planeta.

Nas imagens da Cassini, a Terra e a Lua aparecem como meros pontos, a Terra, um pálido ponto azul e a Lua uma mancha branca, visível entre os anéis de Saturno. Essa foi a primeira vez que a câmera de mais alta resolução da sonda Cassini capturou a Terra e a Lua como dois objetos distintos.

Essa imagem também marcou a primeira vez que as pessoas na Terra souberam que o planeta seria fotografado com antecedência de uma distância interplanetária. A NASA convidou o público para celebrar esse momento, encontrando o planeta Saturno no céu e mandando uma verdadeira onda para o planeta, de abraços, sorrisos e imagens. Mais de 20000 pessoas ao redor do mundo participaram dessa iniciativa.

PIA17170“Nós não podemos ver continentes individuais ou pessoas nesse retrato da Terra, mas esse pálido pondo azul é um sucinto sumário de como nós éramos no dia 19 de Julho de 2013”, disse Linda Spilker, cientista de projeto da Cassini no Laboratório de Propulsão a Jato da NASA em Pasadena, na Califórnia. “A imagem da Cassini nos lembra o quão pequeno é o nosso planeta na vastidão do espaço, e também demonstra a engenhosidade dos cidadãos desse pequeno planeta em enviar uma sonda robótica tão longe de casa para estudar Saturno e fazer imagens da Terra, desde lá”.

Imagens da Terra, feitas das fronteiras externas do Sistema Solar são raras pois desta distância, a Terra aparece muito próxima do Sol. Os detectores sensíveis da câmera podem ser danificados ao olharem diretamente para o Sol, do mesmo modo como o olho humano pode ter a retina danificada quando fazemos o mesmo. A Cassini foi capaz de fazer essa imagem devido ao fato do Sol estar temporariamente escondido atrás de Saturno do ponto de vista da nave.

Uma imagem de grande angular da Terra será parte de um mosaico, dos anéis de Saturno que os cientistas estão montando. Não se espera que essa imagem esteja pronta nas próximas semanas pois ela necessita de um certo tempo e de um grande desafio para ser constituída da maneira correta, já que a geometria precisa ser ajustada, além dos diferentes níveis de iluminação dos alvos.

PIA17038“Me emociona saber que as pessoas ao redor do mundo tenham dado uma pausa em suas atividades normais para sair e celebrar, a saudação interplanetária entre um robô e os seus construtores nessas imagens”, disse Carolyn Porco, líder do time de imageamento da Cassini no Space Science Institute em Boulder, no Colorado. “O evento reforça para mim a nossa posição definitiva como verdadeiros exploradores planetários”.

Na imagem da sonda MESSENGER, a Terra e a Lua são menos do que um pixel, mas aparecem bem grandes porque a imagem está com super exposição. Longas exposições são necessárias para se capturar a maior quantidade de luz possível de objetos potencialmente apagados. Consequentemente, os objetos brilhantes no campo de visão se tornam saturados e aparecem artificialmente grandes.

PIA14949“Essas imagens do nosso planeta foram adquiridas em um único dia de dois pontos distantes do Sistema Solar nos lembrando que a nossa nação é capaz de realizar feitos técnicos na exploração planetária realmente surpreendentes”, disse o principal pesquisador da sonda MESSENGER, Sean Solomn do Lamont-Doherty Earth Observatory da Universidade de Columbia em Palisades, N.Y. “E devido ao fato de Mercúrio e Saturno serem de formação planetária tão diferente e de evolução completamente diferente também, essas duas imagens destacam também que a Terra é um lugar muito especial. Não existe nenhum outro lugar como a nossa casa”.

A missão Cassini-Huygens é um projeto cooperativo da NASA, da Agência Espacial Europeia e da Agência Espacial Italiana. O JPL, desenhou, desenvolveu e montou o módulo orbital Cassini e as suas duas câmeras. O Laboratório de Física Aplicada da Universidade Johns Hopkins em Laurel, Md., desenhou e construiu a sonda MESSENGER, uma sonda desenvolvida sob o Discovery Program da NASA. O Marshall Space Flight Center da NASA em Huntsville, Ala., gerencia o programa para o Science Mission Directorate da agência em Washington. O JPL e a APL gerenciam suas respectivas missões para a NASA. O Instituto de Tecnologia da Califórnia, em Pasadena, gerencia o JPL para a NASA.

Mais informações sobre a imagem e sobre a campanha Wavew at Saturn estão disponíveis em: http://saturn.jpl.nasa.gov/waveatsaturn .

Para ver as imagens da sonda MESSENGER visitem: http://go.nasa.gov/16Vnt5G .

N00213959Fonte: cienctec

http://www.jpl.nasa.gov/news/news.php?release=2013-229&cid=release_2013-229#1

Anúncios
Esse post foi publicado em - exploração espacial, Astronomia e marcado , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s