Em tempos de crise, contratam-se astronautas

Astronauta_1_2

Que tal uma selfie em pleno espaço pra comemorar seu primeiro emprego como astronauta?

Um pequeno passo para a humanidade, um grande passo para a sua carreira. Isso nos faz lembrar da célebre frase de Neil Armstrong, que, ao pisar na Lua, em 1969, comunicou-se conosco e mandou um recado: “um pequeno passo para o homem, um grande salto para a humanidade“.

Sem dúvidas, a admissão de mais um novo astronauta pode ser considerada como um pequeno passo para a humanidade. Mas, pensando bem, isso é ou não um grande salto para sua carreira, hein?

Pois é, meu caro leitor. Parece que a crise no Brasil está abalando cada um de nós, não é? Ora, diante desse cenário, até que não é uma má ideia concorrer a uma vaga de emprego como astronauta na Nasa, a agência espacial dos Estados Unidos. Já pensou? Chegar junto da garota de seus sonhos com um sonoro: “Oi, gata! Sabia que sou astronauta?“.

e-se12

Mas, antes de ir atualizando o currículo, cheque as qualificações exigidas:

– precisa ser cidadão americano… Sorry! Mas não precisa ter nascido nos Estados Unidos! Ou seja, é mais fácil ser astronauta do que presidente (xiiiiiiii, esqueci de mencionar esse detalhe… mas, quem sabe você não consegue a cidadania norte-americana?).

– diploma em engenharia, matemática, ciências biológicas ou físicas (hum… pode ser culinária? afinal, quem irá fazer o lanchinho da galera lá no espaço?).

– três anos de experiência em alguma tarefa similar (o que é similar a ser astronauta?) ou mil horas-voo como piloto de jato (ah! essa é mais “fácil”… mole, mole).

– pressão sanguínea de no máximo 14/9 (algum médico por aí pra medir sua pressão?).

– altura entre 1,75m e 1,90m (que pena para os 7 anões da Branca de Neve… quem sabe conseguem outro emprego, né?).

Não vai ser fácil mesmo para quem cumprir as qualificações. Da última vez que a Nasa abriu vagas para astronauta, 6.400 pessoas se inscreveram e só oito foram escolhidas. Mas quem for escolhido tem uma probabilidade razoável de ir para Marte ou de pelo menos pousar num asteroide (putz! tava pensando em ganhar um extra e ficar por aqui mesmo… pode ser?).

Hoje há 47 astronautas ativos na agência espacial americana. Ao longo da história, foram pouco mais de 300. O salário inicial varia entre 250 mil e 540 mil reais por ano (paga melhor que meu trabalho como escritor, né?).

Veja abaixo o anúncio das vagas, na voz do astronauta Charles Bolden, administrador da Nasa:

Fonte: Super Interessante

Anúncios
Esse post foi publicado em - curiosidades, Astronomia e marcado , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s