Conferência do Clima da ONU

COP 21 Paris

A Conferência do Clima da ONU (Organização das Nações Unidas), a COP-21, é realizada de 30 de novembro a 11 de dezembro de 2015 em Paris.

A Conferência do Clima da ONU (Organização das Nações Unidas), a COP-21, é realizada de 30 de novembro a 11 de dezembro de 2015 em Paris.

Mais de 147 países se reúnem para discutir medidas para conter as emissões de gases do efeito estufa, e também decidir como será o financiamento para que os países mais pobres possam enfrentar os efeitos que já acontecem.

Concentração de CO2 bateu recorde em 2014

Você sabia que a Organização Meteorológica Mundial revelou em novembro deste ano que a emissão dos gases do efeito estufa bateu recorde em 2014? Pois é! As concentrações atmosféricas de CO2 – o principal gás do efeito estufa – atingiu 397,7 partes por milhão (ppm) em 2014 –na Primavera de 2014, quando o dióxido de carbono é mais abundante, as emissões dessa concentração no hemisfério norte passaram da marca simbólica de 400ppm. O nível é o maior já medido pela organização meteorológica, que analisa os dados há pouco mais de 30 anos, e o mais alto dos últimos 800 mil anos.

14jun2013---os-estados-unidos-sao-o-segundo-pais-na-lista-dos-que-mais-emitem-gases-do-efeito-estufa-atualmente-a-maioria-vem-da-geracao-de-eletricidade-com-2154025-toneladas-de-gas-carbonico-1371229394955_615x30

Poluição agrava o aquecimento global a cada ano.

28nov2015--manifestantes-seguram-cartazes-pedindo-por-medidas-que-ajudem-a-controlar-as-mudancas-climaticas-a-poucos-dias-da-conferencia-do-clima-de-paris-cop-21-durante-um-protesto-organizado-por-1448707685953_9

Protestos em Paris pela solução dos problemas climáticos mundiais.

Fotografia de satélite da Nasa registra extensão da poluição na China

Abaixo, um satélite da Nasa (Agência Espacial Norte-Americana) conseguiu registrar a extensão da poluição na China, mais precisamente na região de Pequim. Na fotografia é possível ver a poluição em uma extensa neblina acinzentada, que aparece entre nuvens e neve, da cor branca. A imagem foi feita nesta segunda-feira (30), quando a capital chinesa bateu recorde de poluição com a densidade de partículas perigosas superando em mais de 20 vezes o limite recomendado pela Organização Mundial da Saúde (OMS).

4dez2015---um-satelite-da-nasa-agencia-espacial-norte-americana-conseguiu-registrar-a-extensao-da-poluicao-na-china-mais-precisamente-em-pequim-na-fotografia-e-possivel-ver-a-poluicao-em-uma-extensa-1449265422557

Fotografia de satélite da Nasa registra extensão da poluição na China.

Subsídios a combustíveis fósseis chegam a US$ 10 milhões por minuto em 2015

Enquanto a COP-21 patina para criar um fundo para energias renováveis, os subsídios destinados ao consumo de combustíveis fósseis em todo o mundo chegam à marca de US$ 10 milhões por minuto em 2015. O valor total destinado aos combustíveis fósseis neste ano é de US$ 5,3 trilhões, o equivalente a 6,5% do PIB global. Os dados alarmantes foram divulgados pelo FMI (Fundo Monetário Internacional) durante reunião em Paris, onde está sendo discutida a criação de um fundo internacional de US$ 100 bilhões para países em desenvolvimento. A quantia é cerca de 2% do que o mundo dispende hoje para consumir os combustíveis não renováveis. Ainda assim, não há consenso na conferência sobre o financiamento, para o qual não haveria mais que US$ 10 bilhões disponíveis.

a-queima-de-combustiveis-fosseis-nas-atividades-industriais-contribuem-decisivamente-para-o-aquecimento-global-segundo-muitos-cientistas-1370026328770_615x300 (1)

Subsídios a combustíveis fósseis chegam a US$ 10 milhões por minuto em 2015.

Com mudanças climáticas, Itália pode perder 33 áreas costeiras

A Itália está mais exposta às mudanças climáticas do que outros países europeus, por sua posição geográfica e formato, segundo um estudo do Laboratório de Modelos Climáticos e Impactos da Agência Nacional para Novas Tecnologias, Energia e Desenvolvimento Sustentável (Enea). De acordo com o alerta, as áreas costeiras estão particularmente vulneráveis e 33 delas correm o risco de desaparecerem nos próximos anos. Por outro lado, o sul do país ficará, ainda neste século, cada vez mais parecido com as nações do norte da África.

17-ponte-de-rialto-em-veneza-na-italia-1444491534878_615x300

Com mudanças climáticas, Itália pode perder 33 áreas costeiras.

Mudanças climáticas vão alterar cerca de 38% dos recifes de corais do mundo

Cientistas afirmam que aproximadamente 38% dos recifes de coral do mundo devem sofrer alterações devido aos recordes de temperatura registrados nos últimos anos, e uma área de 12 mil quilômetros de corais deve morrer. A força do El Niño, que fez com que 2015 fosse o ano mais quente já registrado, está ligada às mudanças climáticas, que tornam os fenômenos climáticos mais intensos. Os dados e fotos foram apresentados nesta quinta-feira (03), na COP-21.

coral-fotografado-em-agosto-deste-ano-no-havai-eua-mostra-sinais-de-branqueamento-o-branqueamento-de-corais-acontece-quando-os-polipos-responsaveis-pela-formacao-dos-recifes-morrem-o-que-tem-como-fator-1449185777

Mudanças climáticas vão alterar cerca de 38% dos recifes de corais do mundo.

É preciso que os representantes dos países que participam da Conferência Mundial do Clima, em Paris, cheguem a um consenso para salvaguardar as futuras gerações, alcançar a sustentabilidade e combater o aquecimento global no nosso planeta Terra. Caso contrário, nossa paisagem poderá começar a mudar, como vemos na imagem abaixo:

sustenta

Ilustração mostra os efeitos do aquecimento global.

Fonte: http://noticias.uol.com.br/ao-vivo/2015/11/28/cop-21—conferencia-do-clima-em-paris.htm

 

Anúncios
Esse post foi publicado em - planeta terra, Astronomia e marcado , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s